Felicidade Valderlei de Jesus

Redes sociais: O sétimo passo para felicidade.

Redes sociais: O sétimo passo para felicidade.

Normalmente as pessoas não gostam de ficar sozinhas. Precisamos construir nossas próprias redes sociais. Precisamos nos conectar.

Pessoas precisam de pessoas. Estudos revelam que uma pessoa comum compartilha em média 80% de suas horas, enquanto acordadas, com outras pessoas. Definitivamente, não nascemos para vivermos isolados.

Pessoas que se isolam, que são solitárias, normalmente não são vistas com bons olhos. São vistas como estranhas ou até mesmo com certa suspeita.

Contudo, essas pessoas que ficam mais à margem, se sentem sozinhas e que não tem com quem contar – em quem confiar. Em consequência, elas se isolam ainda mais e ficam ainda mais infelizes.

Assim, elas não conseguem criar redes sociais realmente significativas. Eu não me refiro ao Facebook. Nós precisamos nos conectar. Precisamos nos conectar com pessoas de verdade. Precisamos de redes de apoio. Precisamos de conexões significativas.

Nós precisamos dessas redes sociais para sermos mais felizes, para sermos mais bem-sucedidos nos nossos empreendimentos, para conquistar nossos objetivos e para sermos mais saudáveis.

Leia o artigo: Os 8 passos para felicidade.

Redes sociais

Redes sociais: O sétimo passo para felicidade.

As pessoas mais felizes criam redes sociais numerosas e de qualidade. Desde cedo, se observarmos, vamos perceber que as pessoas mais felizes e mais bem-sucedidas, estão quase sempre rodeadas de pessoas. E mais, elas atraem ainda mais conexões.

Hoje, porém, nós podemos perceber todo mundo no Facebook com seus perfis recheados de “amigos”, mas na verdade, não tem muitas conexões significativas. Tem-se muitos amigos virtuais. Mas poucos amigos reais.

O que nós realmente queremos e no que devemos investir é em criar conexões poderosas. Essas conexões tendem a nos contagiar e nós também influenciamos estas conexões.

Aqui é interessante procurar se conectar com pessoas que estão buscando as mesmas coisas que você – que estão andando para a mesma direção. Que tem objetivos semelhantes ou que já chegaram lá.

É importante ter amigos com quem sair. Curtir uma balada. Mas com quem você também possa iniciar um negócio, começar uma sociedade. E se estas pessoas podem as mesmas, perfeito.

Tome a iniciativa em conexões verdadeira e produtivas.

Esse investimento em redes sociais pode começar a partir de seus familiares, se estender para seus amigos, parceiros de negócios, sócios, funcionários, chefes… pessoas com as quais você pode contar. Em quem você sabe que pode confiar.

Livre-se do medo da rejeição e vá conhecer novas pessoas e fidelizar suas relações já existentes.

Uma recomendação: Leia o livro: Como fazer amigos e influenciar pessoas.

Medo da rejeição

Muita pessoa não tem mais conexões significativa por que tem muito medo de serem rejeitadas. Isso é terrível.

Todos nós em algum grau temos ou já tivemos medo da rejeição. Mas se você espera qualquer tipo sucesso em sua vida você vai ter que superar esse medo.

Você vai precisar deixar de lado esse medo se você pretende se casar. Você terá que superar esse medo para exercer um bom trabalho – o trabalho que lhe agrada… e segue.

Precisamos deixar de lado o medo da rejeição, a timidez. Afinal precisamos nos relacionar. Se vivermos com medo, nos trancarmos, nos escondermos, não vamos criar conexões.

Se você parar para observar a rejeição é muito mais perversa enquanto você fica se protegendo. Depois que você encara esse medo, mesmo que seja rejeitado, isso pode ser chato, mas você percebe que não dói tanto assim.

Acredite, eu já tive esse medo também. Mas a expectativa é muito pior que a realidade. Então deixe esse medo de lado e comece a se relacionar.

Você precisa construir relacionamentos significativos – redes sociais realmente fortes. Então não fique esperando que os outros tomem a iniciava. Você deve tomar as ações.

Conclusão

Comece imediatamente a procurar oportunidade para criar fortes redes sociais.

Este é o sétimo passo para felicidade, segundo a ciência da felicidade. Fato é que você será muito mais feliz se tiver pessoas ao seu redor pessoas para o apoiar. Pessoas com quem dividir seus êxitos.

Procure investir nessas conexões e forme sua comitiva para o sucesso pessoal e profissional.

Sobre o autor | Website

Meu propósito é intencionalmente inspirar e capacitar as pessoas para aumentar a sua autoconfiança, descobrir o seu propósito de vida e conquistar os seus sonhos mais ousados, a fim de nos transformar no melhor que podemos ser, de dentro para fora.

Baixe GRATUITAMENTE Magnetismo de saúde e riqueza!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!