Desenvolvimento Pessoal Valderlei de Jesus

Por que você precisa deixar seu “velho EU” para se tornar a melhor versão de si mesmo.

Por que você precisa deixar seu “velho EU” para se tornar a melhor versão de si mesmo.

Qual é a coisa que mais tem impedido você de ser a melhor versão de si mesmo?

Você pode ser tentado a dizer algo nos moldes de “tempo”, “energia”, “dinheiro” ou “oportunidades”. Talvez você se sinta limitado por outras pessoas. Ou, talvez, sejam as circunstâncias?

Eu tenho um palpite que é que uma grande parte do que está te segurando é o seu próprio senso de identidade. Em outras palavras: você pode estar limitado pelo seu apego ao “velho eu” e pela sua ânsia de ser visto como consistente e confiável.

Por que a consistência é superavaliada?

Todos nós temos um apego a quem pensamos que somos. Todos nós temos uma noção de nós mesmos e de quem os outros pensam que somos também. Por exemplo: você pode se ver como alguém despreocupado que nunca é sério. Ou talvez você se considere um cidadão local, que apoia a equipe esportiva local e que nunca sairia de casa ou de sua cidade natal.

Nós gostamos da sensação de continuidade que isso traz e outras pessoas gostam do fato de saberem onde estão.

Não queremos fazer algo que seja “fora do personagem” e não queremos voltar atrás em coisas que já dissemos.

Mas isso é algo a que você deveria se apegar?

Talvez seu conceito de “você” esteja desatualizado?

Adaptabilidade é fundamental

Se os dinossauros nos ensinaram uma coisa, é que a adaptabilidade é o traço mais importante quando se trata de sobreviver e prosperar. Se você não consegue se adaptar, o mundo vai mudar ao seu redor e você se tornará um anacronismo.

Com isso em mente, que benefício existe para você se recusar ativamente a se adaptar e crescer?

Você já disse a alguém como você se sentia e mudou de ideia … para depois sentir que não pode voltar atrás no que disse?

Alguma vez você já quis se vestir de maneira diferente ou ter um tom mais sério, mas sentiu uma enorme pressão das expectativas das pessoas em relação a você?

Isto é uma prisão. E a ironia é que é uma mentira: a versão mais verdadeira de “você” é simplesmente o “você” que você naturalmente quer ser.

A melhor maneira de ser “você mesmo” é abandonar todas as expectativas e simplesmente agir no momento com base em suas emoções e sentimentos.

E lembre-se: biologicamente, não há continuidade. Estamos sempre mudando.

A pessoa que você é agora é biologicamente completamente diferente da pessoa que você era há 10 anos atrás. Aceite isso e siga em frente.

Acesse o Portal Reprograme-se!

Sobre o autor | Website

Meu propósito é intencionalmente inspirar e capacitar as pessoas para aumentar a sua autoconfiança, descobrir o seu propósito de vida e conquistar os seus sonhos mais ousados, a fim de nos transformar no melhor que podemos ser, de dentro para fora.

Baixe GRATUITAMENTE Magnetismo de saúde e riqueza!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!